VII Simpósio Regional de Diversidade Biológica do Piauí debate sobre a preservação e uso da tecnologia no meio ambiente
09/09/2019 21:32

O VII Simpósio Regional de Diversidade Biológica do Piauí e a XVI Semana de Biologia do campus Poeta Torquato Neto teve início nesta manhã (09), no Centro de Formação Antonino Freire – Teresina. Promovido por professores dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas, juntamente com o Centro Acadêmico do curso de Biologia da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), o objetivo do evento é proporcionar debates acerca de temas envolvendo as áreas de Biologia, ensino e meio ambiente, além de aproximar a integração entre professores, profissionais e alunos.

A cerimônia de abertura contou com a apresentação do coral da universidade, bem como pela composição da mesa-redonda do evento com a presença de organizadoras do Simpósio, professores e coordenadores dos cursos da UESPI, além das representantes da Administração Superior da instituição, Ailma do Nascimento (PROP) e Lisiane Ribeiro (PREX).

Em sua fala, a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação, Ailma Nascimento destacou a importância do evento por se tratar de uma temática atual no cenário brasileiro, assim como parabenizou os discentes e docentes responsáveis pelo projeto.

O professor da Universidade Federal do Ceará (UFCE) e Conselheiro Regional de Biologia, Dr. Jóse Roberto Feitosa, ministrou uma palestra com o tema: Atuação do Biólogo e o Meio Ambiente. “A ideia da palestra foi debater aspectos como a preservação ambiental e a legalidade da atuação do profissional de Biologia. Desse modo, colaborando para o desenvolvimento social e profissional dos alunos, bem como promovendo uma troca de experiências entre os professores”, explica.

Segundo a professora da UESPI e organizadora do evento, Francielle Aline Martins, o Simpósio acontece anualmente nos campus da IES, reunindo pesquisadores, professore e alunos do Piauí, Ceará e Maranhão. “É extremamente importante desenvolver nos dias atuais propostas e discussões relacionadas ao meio ambiente. Além disso, o evento reúne diversas possibilidades de ações que estão sendo desenvolvidas em prol do meio ambiente e da biotecnologia. Um exemplo disso é o projeto “Cidade sem Canudo”, destaca.

Com cerca de 128 inscritos, o evento terá 49 trabalhos científicos apresentados até a próxima sexta-feira (13). Além dos projetos, a programação contará com minicursos, palestras, mesas-redondas e atividades culturais desenvolvidos a partir dos eixos temáticos sobre “Meio Ambiente e Biotecnologia”, no Centro de Formação Antonino Freire e no campus da UESPI Poeta Torquato Neto.

A estudante do curso de Biologia da UESPI, Luana Daniela de Oliveira, disse que o evento estimula a inserção dos alunos em praticas pedagógicas e desenvolvimento de pesquisas. “O tema proposto discute principalmente o maneira como podemos trabalhar a tecnologia em conjunto com o meio ambiente, para a preservação de casos como por exemplo da Amazônia. Isso favorece o ensino dentro da sala de aula e o crescimento de pesquisas desenvolvidas nos laboratórios”,  finaliza.

Confira a programação completa.

 

 

 

Fonte: http://www.uespi.br/site/?p=126035

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí