Alepi

A ASSEMBLEIA | GALERIA DE FOTOS | WEBMAIL | NOTÍCIAS | OUVIDORIA | Organograma |
14-06-19 11:43

Zulmir Ivânio Breda destaca o calor humano dos piauienses

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade, gaúcho Zumir Ivânio Breda, é o mais novo cidadaão piauiense. Depois de recebe o título das mãos dos deputados Freanzé Silva (PT), autor do projeto de Decreto Legislativo que concedeu a honraria, e do deputado Evaldo Gomes (SD), que presidia a sessão solene desta sextaa-feira (14), Zulmir Breda leu um discurso escrito, destacando que "a responsabilidade e a honra são enormes. Que Deus me dê humildade e sabedoria para honrar e bem representar este chão, que muito fala e diz das belezas desta Pátria. Muito obrigado".


"Caros amigos, salve a terra que aos céus arrebatas. Nossas almas nos dons que possuis. A esperança nos verdes das matas. A saudade das serras azuis. Piauí, terra querida. Filha do Sol do Equador. Com esse pequeno verso de seu hino, saúdo a todo povo deste pujante Estado que hoje me acolhe como seu cidadão. É com muita honra e profundo respeito que hoje recebo esta memorável homenagem deste povo que ora me abraça", agradeceu.

O homenageado afirmou que não há como negar que o sol é um símbolo do Piauí, falando das altas temperaturas registradas no nosso estado.  "O sol que aqui nos abraça, provoca as mais diversas reações. Aqui o calor é humano. E o piauiense não tem do que se queixar, quando o assunto é calor. E quando o assunto é humanidade e carinho. As cores de sua bandeira são as mesmas da bandeira do Brasil. Como filha do Sol do Equador, levou para a sua bandeira, a estrela Antares, que na bandeira nacional representa o Estado do Piauí. Há 40 mil anos o “Homem da Pedra Furada” viveu nessa região. Aqui ele caçava e acendia fogueiras. Descobertas arqueológicas evidenciam uma vida primitiva muito antiga que deixou vestígios de signos, desenhos e pinturas retratados nas paredes das grutas e cavernas do Parque Nacional da Serra da Capivara. Que emocionante cenário!Sinto-me imensamente honrado e feliz por estar aqui, hoje, neste belo Estado, recebendo o Título de Cidadão Piauiense", acrescentou. 

Receber o título de cidadão piauiense é motivo de muito orgulho e satisfação, disse Zulmir Breda, dizendo-se profundamente honrado e bastante envaidecido, um grande privilegiado. "Não poderia fugir, assim, de início, ao agradecimento bem mais do que formal à Assembleia Legislativa do Estado e aos nobres deputados estaduais que votaram em meu nome para receber tal honraria.Consigno, em especial, minha gratidão ao deputado Franzé Silva, aqui presente, por ter apresentado o projeto de lei que me concede este título, e ao excelentíssimo presidente da egrégia Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles de Sampaio Pereira Filho", citou.


Breda destacou no discurtso que o deputado Francisco José Alves da Silva é contador registrado no Conselho Regional de Contabilidade do Piauí sob o número 3869 e vem exercendo a profissão desde 1990. "A homenagem que recebo aqui faz com que eu me sinta acolhido, e é com profunda gratidão que garanto que o Estado do Piauí estará sempre em meu coração. Alguém já disse em outra oportunidade que existem três maneiras de se adquirir a cidadania de uma determinada localidade, quais sejam: 1º pelo nascimento; 2º por adoção, isto é,quando o indivíduo adota a cidade ou o Estado como sua e 3º, também por adoção, quando somos adotados por seus filhos naturais.E, se hoje estou sendo aclamado como filho legítimo de um Estado alegre – onde não falta sol –, lugar de cultura farta e história de glórias, é porque os frutos nasceram de uma semeadura próspera e compartilhada. E, é pelo dever do pleno reconhecimento que tenho a honra e a necessidade de dividir a distinção que hoje me é conferida – se é que me permitem os presentes– com aqueles que têm caminhado comigo na trajetória da profissão contábil".

 

 

O novo piauiense compartilhou os méritos que motivaram a homenagem com toda a classe contábil brasileira, atualmente formada por cerca de 520 mil profissionais. "Tenho trabalhado com eles e para eles, nesses 40 anos de profissão.Sou grato às inúmeras pessoas que, direta ou indiretamente, com o seu trabalho, companheirismo e competência, dia a dia, participaram da construção da minha vida e contribuíram para os êxitos da minha trajetória profissional", agradeceu.


"Não me arrogo em mencionar que nessa trajetória eu tenha trilhado um caminho novo ou diferente daqueles que muitos já trilharam, mas sempre busquei caminhar pautado no respeito ao próximo, com dedicação e apreço pelos valores da moralidade e da ética, imbuído do espírito colaborativo e no reconhecimento de que as eventuais dificuldades vivenciadas ou falhas cometidas são consequências das minhas limitações e jamais da construção ou obra de quem quer que seja.Portanto, com a comenda que este Estado teve a generosidade de me conferir, agora passo a ser um Cidadão Piauiense, de fato e de direito. Receber tal distinção é igualar-me, honrosamente, àqueles que aqui nasceram; a essa gente hospitaleira e gentil; e a esse povo trabalhador. Nada se compara à distinção de ser adotado por cidadãos trabalhadores e cumpridores de seu dever", ressaltou.

Dirigindo-se a Franzé Silva, Zulmir Breda disse que ninguém pode mensurar a alegria em receber a condecoração, nem imaginar o orgulho em possuí-la. "Recebo esta homenagem com muita humildade, plenamente consciente de que tal deferência não é apenas fruto do meu empenho, mas da conjugação de esforços de todos aqueles que têm partilhado da minha vida familiar, profissional e social, os quais contribuíram para a formação do bom conceito sobre a minha pessoa.Movido pelo espírito da mais sincera gratidão, manifesto o meu “muito obrigado” por esta ilustre homenagem". 

O presidente do CFC também se disse grato "primeiramente" a Deus e à contabilidade por me presentear com nobres momentos como este. Agradeço também a todo o querido povo piauiense por me acolher como filho desta terra e concidadão.Torno-me agora um Cidadão Gaúcho por nascimento e um Cidadão Piauiense por concessão unânime de seus representantes. A responsabilidade e a honra são enormes. Que Deus me dê humildade e sabedoria para honrar e bem representar este chão, que muito fala e diz das belezas desta Pátria. Muito obrigado".

Joaquim Bezerra Filho enaltece homenageado com cidadania


O contabilista Joaquim Bezerra Filho, destacou a sensibilidade da Assembleia Legislativa para com a classe contábil, ao tempo em que enalteceu a atenção que o governador Wellington Dias (PT) tem dado à categoria, recebendo seus membros sem protocolo e com elevada distinção.  Referindo-se ao homenageado da sessão, o gaúcho Zumir Ivânio Breda, que recebeu o título de cidadão piauiense, Joaquim Bezerra disse que o Piauí o acolheu e agora concede a cidadania. Agradeceu a homenagem de autoria do deputado Franzé Silva (PT), em nome dos contabilistas, destacando os méritos do homenageado. Joaquim Bezerra concluiu seu pronunciamento recitando uma poesia de autoria do piauiense Antônio Martins Filho.

 

J.Barros - Edição: Katya D'Angelles


Mais fotos

 



Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 
Copyright © 2013 - Assembleia Legislativa do Piauí