Alepi

A ASSEMBLEIA | GALERIA DE FOTOS | WEBMAIL | NOTÍCIAS | OUVIDORIA | Organograma |
10-07-18 13:44

Educação, violência e cultura são tema dos pequenos avisos

 

 

Na manhã de hoje (10), alguns parlamentares usaram o tempo de dois minutos para falar sobre assuntos diversos, entre estes o crescimento da violência no Piauí. O assassinato do empresário e proprietário da Academia Medley, Macelo Henrique Amorim da Silva, morto com um tiro, na última segunda-feira (9), foi citado nos pronunciamentos.  Também foi feito um apelo ao prefeito de José de Freitas, para que este afaste o engenheiro, secretário de obras daquele município, responsável pela obra da estrada da Ema, pelo fato de o engenheiro estar sob suspeição de uso de obra com fins eleitorais.

 

Outra preocupação ressaltada, foi a liberação por parte do Governo das emendas impositivas. Os registros foram feitos pelo deputado Robert Rios. Sobre o assunto, o deputado Dr. Pessoa, que reclamou que suas emendas também não foram pagas.

 

A preocupação com a falta de transportes eletivos, para pacientes de cidades do interior do Piauí, que precisam fazer tratamento em outros municípios, entre eles Teresina. O fato está acontecendo, segundo o deputado Gustavo Neiva, por falta de pagamento, há sete meses. O parlamentar pediu ainda a presença do secretário estadual de saúde do Estado, para que este explique porque os repasses não estão sendo feitos.

 

Sobre o problema, esteve em Teresina, um grupo de pacientes que fazem usos dos transportes eletivos, cobrando o pagamento para as empresas, lembrou o deputado Luciano Nunes.

 

Outros registros feitos pelo deputado Francisco Limma, durante os dois minutos, foi o do14º Festival Cultural dos Cocais, realizado no município de São João do Arraial e o falecimento de Cristóvão Rocha de Lima, falecido no final da tarde desta segunda-feira.

 

A tradicional Festa do Vaqueiro, realizada há dezenove anos em São Raimundo Nonato, teve todos os documentos ajuizados ao processo de emenda impositiva, feitas pelo deputado Edson Ferreira foi alvo de reclamação do parlamentar, pelo fato de segundo ele, não foram pagas pelo Governo do Estado. O parlamentar pediu ao deputado Fábio Novo, que interceda junto ao Governo do Estado para que a situação seja solucionada.

 

Lindalva Miranda – Edição: Katya D’Angelles



 



Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 
Copyright © 2013 - Assembleia Legislativa do Piauí