Alepi

A ASSEMBLEIA | GALERIA DE FOTOS | WEBMAIL | NOTÍCIAS | OUVIDORIA | Organograma |
04-06-20 13:45

Consulta pública necessita da adesão dos piauienses, defende Francisco Costa

 

Consulta pública necessita da adesão dos piauienses, defende Francisco Costa
Com o lançamento do Pró-Piauí, plano do Governo do Estado para retomada organizada e gradual das atividades econômicas, o deputado estadual Francisco Costa(PT) convida a sociedade para a construção do documento final, conforme as orientações do Protocolo Geral de Recomendações. A sociedade poderá participar por meio de uma Consulta Pública, a ser feita até o dia 5 de junho.
Para conter a disseminação do novo coronavírus, a maior parte dos países, e no Brasil, por meio dos Estados e municípios, adotou o isolamento social e confinamento como medidas preventivas. No Piauí, as medidas foram iniciadas na segunda quinzena de março, como estratégia para, além de salvar vidas, organizar a rede de assistência hospitalar para o tratamento de pacientes infectados com a doença, o covid-19.
Em uma nova etapa de enfrentamento à doença, “o Governo lança o Pró-Piauí, que tem variáveis que ajudam na definição da programação da retomada das atividades. Por meio da sociedade, as suas contribuições, encontraremos a forma adequada para poder fazer essa importante retomada de atividade para o nosso estado”, afirma o deputado, explicando que algumas considerações devem ser levantadas.
“Entre elas, o que diz respeito à parte epidemiológica. Precisamos ter os cuidados necessários e observar como está a proliferação no estado. Qual a taxa de ocupação dos leitos clínicos e de UTI? Alguns pacientes precisam desses cuidados, qual a sobrecarga que os serviços de saúde estão levando?”, pergunta, ao tempo em que motiva que a sociedade reflita também.
Para isso, o Governo, com sua equipe técnica, elaborou o Protocolo Geral de Recomendações, “com orientações para a retomada das atividades”, e a Consulta Pública, que atualmente “está aberta para as contribuições da sociedade, dos mais diversos setores e ramos de atividades, para que fechemos um protocolo mais adequado para a realidade do nosso Estado”.
Francisco Costa explica que a construção do Plano deve ser baseada na segurança do retorno das atividades, mantendo um mínimo de atividade econômica em nosso estado, mas pensando também na classe empresarial, dos trabalhadores, que por sua vez, perderam ou estão ameaçados de perder o seu emprego.
“Mas acima de tudo, temos que ter a preocupação em cuidar e preservar vidas, fazendo esse equilíbrio, de uma programação responsável, segura, pensando na proteção do piauienses e também no desenvolvimento de nossa economia”, afirma.
A Consulta Pública está disponível no portal do Governo do Piauí: www.pi.gov.br
Assessoria parlamentar - Edição: Katya D'Angelles

Com o lançamento do Pró-Piauí, plano do Governo do Estado para retomada organizada e gradual das atividades econômicas, o deputado estadual Francisco Costa(PT) convida a sociedade para a construção do documento final, conforme as orientações do Protocolo Geral de Recomendações. A sociedade poderá participar por meio de uma Consulta Pública, a ser feita até o dia 5 de junho.


Para conter a disseminação do novo coronavírus, a maior parte dos países, e no Brasil, por meio dos Estados e municípios, adotou o isolamento social e confinamento como medidas preventivas. No Piauí, as medidas foram iniciadas na segunda quinzena de março, como estratégia para, além de salvar vidas, organizar a rede de assistência hospitalar para o tratamento de pacientes infectados com a doença, o covid-19. Em uma nova etapa de enfrentamento à doença, “o Governo lança o Pró-Piauí, que tem variáveis que ajudam na definição da programação da retomada das atividades. Por meio da sociedade, as suas contribuições, encontraremos a forma adequada para poder fazer essa importante retomada de atividade para o nosso estado”, afirma o deputado, explicando que algumas considerações devem ser levantadas.

 

“Entre elas, o que diz respeito à parte epidemiológica. Precisamos ter os cuidados necessários e observar como está a proliferação no estado. Qual a taxa de ocupação dos leitos clínicos e de UTI? Alguns pacientes precisam desses cuidados, qual a sobrecarga que os serviços de saúde estão levando?”, pergunta, ao tempo em que motiva que a sociedade reflita também.
Para isso, o Governo, com sua equipe técnica, elaborou o Protocolo Geral de Recomendações, “com orientações para a retomada das atividades”, e a Consulta Pública, que atualmente “está aberta para as contribuições da sociedade, dos mais diversos setores e ramos de atividades, para que fechemos um protocolo mais adequado para a realidade do nosso Estado”.

 

Francisco Costa explica que a construção do Plano deve ser baseada na segurança do retorno das atividades, mantendo um mínimo de atividade econômica em nosso estado, mas pensando também na classe empresarial, dos trabalhadores, que por sua vez, perderam ou estão ameaçados de perder o seu emprego. “Mas acima de tudo, temos que ter a preocupação em cuidar e preservar vidas, fazendo esse equilíbrio, de uma programação responsável, segura, pensando na proteção do piauienses e também no desenvolvimento de nossa economia”, afirma. A Consulta Pública está disponível no portal do Governo do Piauí: www.pi.gov.br




Assessoria parlamentar - Edição: Katya D'Angelles

 



 



Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 
Copyright © 2013 - Assembleia Legislativa do Piauí