Teresa Britto propõe a criação da Semana Estadual da Psicologia
12/08/2019 12h17

A deputada Teresa Britto (PV) apresentou na Assembleia Legislativa, o projeto de Lei que institui a Semana Estadual da Psicologia, como parte do calendário oficial de eventos do Piauí. A data será comemorada sempre no dia 27 de agosto.


A psicologia é o estudo dos fenômenos psíquicos e do comportamento do ser humano por intermédio da análise de suas emoções, ideias e seus valores. É o ramo da ciência que estuda a mente os processos mentais, no que diz respeito ao comportamento do homem e de outros animais.


Na semana da psicologia deverão ser realizadas ações a exemplo de campanhas, seminários, palestras, reuniões, conferências, elaboração de cartilhas, folders, cartazes e outros eventos relacionados ao exercício profissional da psicologia no Estado do Piauí.


Hoje, o profissional da psicologia pode canalizar e transmitir ao ser humano, orientações comportamentais, no sentido de abrandar as angustias e inquietações, com o objetivo de encontrar o equilíbrio e a razão.



 

Psicologia é a ciência que se preocupa em estudar a subjetividade humana. Atua tanto nas expressões humanas visíveis (comportamentos) como naquelas que não podem ser vistas, como nossos pensamentos. O termo “psicologia” tem origem grega e é formado a partir da junção de duas palavras:
Psique (mente) + logia (estudo)
Assim como muitas áreas do conhecimento, a Psicologia apresenta diferentes abordagens de estudo. Como exemplo de escolas da Psicologia, temos o Behaviorismo e a Psicanálise.
Behaviorismo: está voltado para o estudo do comportamento humano. Para os psicólogos que utilizam essa escola, existem dois tipos de comportamentos: o respondente e o operante. No comportamento respondente, o indivíduo comporta-se involuntariamente. Já no operante, o indivíduo apresenta consciência de seu comportamento.
Psicanálise: tem como pilares as ideias de Sigmund Freud. Essa escola visa ao estudo da mente e tem como foco o inconsciente do indivíduo. De acordo com essa abordagem, o inconsciente expressa-se de modo velado no consciente. Assim, o inconsciente pode, por exemplo, manifestar-se nos atos falhos e sonhos. A cura de certos problemas, portanto, seria possível por meio da conscientização do inconsciente. De acordo com Freud,
“sofremos de reminiscências que se curam lembrando”.
O curso de Psicologia possui duração média de cinco anos e integra a área de conhecimento das ciências humanas. Esse curso é oferecido em várias faculdades públicas e também na rede privada. Dependendo da instituição de ensino escolhida, além da formar psicólogos, podem também ser oferecidas as opções de cursar as habilitações em bacharelado e licenciatura.

A psicologia

Psicologia é a ciência que se preocupa em estudar a subjetividade humana. Atua tanto nas expressões humanas visíveis (comportamentos) como naquelas que não podem ser vistas, como nossos pensamentos. O termo “psicologia” tem origem grega e é formado a partir da junção de duas palavras: Psique (mente) + logia (estudo).

Assim como muitas áreas do conhecimento, a Psicologia apresenta diferentes abordagens de estudo. Como exemplo de escolas da Psicologia, temos o Behaviorismo e a Psicanálise.

Behaviorismo: está voltado para o estudo do comportamento humano. Para os psicólogos que utilizam essa escola, existem dois tipos de comportamentos: o respondente e o operante. No comportamento respondente, o indivíduo comporta-se involuntariamente. Já no operante, o indivíduo apresenta consciência de seu comportamento.

Psicanálise: tem como pilares as ideias de Sigmund Freud. Essa escola visa ao estudo da mente e tem como foco o inconsciente do indivíduo. De acordo com essa abordagem, o inconsciente expressa-se de modo velado no consciente. Assim, o inconsciente pode, por exemplo, manifestar-se nos atos falhos e sonhos. A cura de certos problemas, portanto, seria possível por meio da conscientização do inconsciente. De acordo com Freud, “sofremos de reminiscências que se curam lembrando”.

O curso de Psicologia possui duração média de cinco anos e integra a área de conhecimento das ciências humanas. Esse curso é oferecido em várias faculdades públicas e também na rede privada. Dependendo da instituição de ensino escolhida, além da formar psicólogos, podem também ser oferecidas as opções de cursar as habilitações em bacharelado e licenciatura.

 

Emerson Brandão - Edição: Katya D'Angelles

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí