Pequenos avisos 29 de julho
29/07/2020 14h09

O tempo de três minutos destinados aos pequenos avisos, durante a sessão desta quarta-feira, 29.

Themístocles Filho (MDB) - relatou sobre o coronavírus e lamentou o fato de vários de seus familiares estarem com a doença, citando inclusive, seu genro, que está em uma UTI.

Marden Menezes (PSDB) - desejou melhoras e recuperação à família do presidente Themístocles Filho e se reportou a visita da Polícia Federal (PF) à casa do governador do estado do Piauí, Wellington Dias, bem como ao gabinete da deputada federa e esposa do governador e a Secretaria Estadual de Educação do Estado, e lamentou o fato, que segundo o deputado, envergonha o Piauí.  “A Polícia Federal esteve na casa do governador, buscando mais provas e se trata de um fato gravíssimo do desvio de milhões de reais na educação pública, quanto ao transporte escolar. Essa investigação ganhou âmbito nacional, em todos os meios de Comunicação. E é lamentável, que estejamos passando por essa situação”, disse Marden Menezes. 

O parlamentar lembrou que o Estado recebeu um aporte bilionário para a Secretaria de Educação, que está envolvida em um escândalo desse porte. E que existe uma reivindicação dos professores do Estado, na clareza da aplicação dos recursos bilionários, que vieram dos precatórios do Fundeb, de um bilhão, seiscentos e cinquenta e dois milhões de reais. "Não são poucos recursos. E esse escândalo liga um sinal vermelho, na opinião pública, nos órgãos de controle e, principalmente nos servidores da Educação, que querem transparência na aplicação dos recursos oriundos do Fundeb”, ressaltou. Marden Meneses disse também que é preciso que haja transparência e bom senso do Governo do Estado do Piauí, para que a sociedade não continue sendo lesada, como está. “Os órgãos de Comunicação nacional, Ministério |Público e a Polícia Federal, estão apurando esse escândalo, na Secretaria de Educação e pelo que se vê, logo, logo, a população brasileira e em especial a população piauiense, terão o conhecimento dos responsáveis por esse ilícitos que lesaram e continuam lesando a população”, observou.

Teresa Britto (PV) – A deputada Teresa Britto (PV) também se reportou ao fato da visita da Polícia Federal à Secretaria Estadual de Educação do Piauí e disse que o fato envergonha o Estado. “Uma notícia que tomou grande espaço em vários veículos de Comunicação, em âmbito nacional, mostrando vários pontos dos fatos. E o que mais nos preocupa é que o escândalo está diretamente envolvido com a casa do Governador”. A parlamentar lembrou sobre os recursos dos precatórios que deverão ser aplicados na Educação e que o governador entrou com uma ação do Supremo Tribunal Federal (STF), para transferir trinta por cento dos recursos, para a saúde, justificando que já existem muitos recursos para a Educação.

De acordo com a deputada, o mais preocupante é que existe uma grande quantidade de escolas públicas estaduais, onde há mais de um ano, alunos estão sem estudar, escolas fechadas, por falta de estrutura também no transporte público. E lembrou do óbito de um aluno do interior do Estado, durante o transporte em veículo “pau de arara”. Teresa Britto observou que os professores da rede estadual de ensino, em vários municípios, não estão recebendo o piso nacional, que é obrigatório, de acordo com a lei. “Isso nos deixa triste. A população do Piauí está indignada e envergonhada. A situação da educação do Piauí é muito grave e o Governo querendo fazer manobras com os recursos públicos, destinados a  educação”, disse a parlamentar, acrescentando que os deputados da oposição estão atentos, para cobrar do Governo, para que não haja mais desvios de recursos no estado do Piauí, como está havendo.

Gessivaldo  Isaías  (Republicanos) –  fez um relato de sua visita, nesta manhã desta quarta –feira (29), a sede do Corpo de Bombeiros e citou a entrega de equipamentos, para aquela instituição e ainda de uma ambulância, por ele, através de emendas parlamentar. O deputado disse que nos seus quatro anos de mandato, ele tem também como propósito, contemplar o Corpo de Bombeiros, com equipamentos necessários, para o bom desempenho da corporação. Gessivaldo Isaías agradeceu ao comandante do Corpo de Bombeiros e ressaltou que já colocou, esse ano, uma outra emenda parlamentar, para que seja efetivada no próximo ano. E lembrou que vários equipamentos, inclusive de um drone, foram destinados ao Corpo de Bombeiros, em parceria do Governo Federal com o Governo Estadual. “Nós estamos trabalhando em parceira para o crescimento do estado do Piauí, e parabenizou o governador do estado, em relação ao combate ao coronavírus, no Estado e se solidarizou com o governador e sua esposa, no tocante a visita da PF a Secretaria Estadual de Educação (Seduc).

Francisco Limma (PT)  - Ainda sobre a visita da PF a casa do governador e a Seduc, o deputado Fransico Limma (PT) disse que a operação foi um “show” midiático dos meios de Comunicação. De acordo com o parlamentar, o governador já havia compreendido os riscos de contratos de empresas e que havia determinado Nova licitação, com outras empresas, com novos parâmetros, para evitar mal entendidos empresas, em novos parâmetros. E que a deputada federal, Rejane Dias, já havia se prontificado a colaborar sobre o esclarecimentos dos fatos em relação a Seduc. O deputado lamentou e repudiou a ação da PF e ressaltou que a Assembleia Legislativa do estado do Piauí (Alepi) precisa ter cuidado, para que não ocorra o uso e abuso de poder, como o que foi feito pela PF, em outras instituições.

Flora  Izabel (PT) – A deputada Flora Izabel (PT) também repudiou os fatos em relação a ação da Polícia Federal e disse que a ação da PFno gabinete da deputada Rejane Dias, em Brasília, é inconstitucional, e indagou sobre qual é o papel da PF em uma operação. Segundo ela, tudo não passou de um espetáculo e que o presidente Bolsonaro mudou o comando geral da Polícia Federal, com o intuito de  atingir setores e estados, no Brasil, contrários a sua ação política. Flora Izabel disse também que a deputada Rejane Dias tem provas em e-mais, pedindo à PF, para que marcasse a audiência, para que ela pudesse dar seu depoimento. E que a PF não marcou a audiência. A paramentar resumiu sua fala, dizendo que o governador Wellington Dias (PT) governa do Estado com competência e humildade.

Lindalva Miranda - Edição: Katya D'Angelles

 

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí